O que fazer no Centro do Rio de janeiro

Curioso (a) para saber o que fazer no Centro do Rio de Janeiro

Neste post você vai conhecer os pontos que consideramos essenciais, além de dicas de restaurantes e hotéis desse bairro que é um verdadeiro museu a céu aberto (afinal, são quase 5 séculos de vida!) e o berço da boemia carioca.

Embora a maior parte dos turistas só passe por ele para desembarcar na rodoviária/aeroporto e partir para outros pontos da cidade, vale a pena dar uma atenção ao Centro do Rio.

Nele, você encontra muitos prédios históricos e igrejas que remontam à época do Império, além de atrações animadíssimas, como rodas de samba, cafés charmosos, bares cheios de agito e até uma roda-gigante para quem quer se divertir.

Por fim, saiba que mesmo não sendo um bairro tão procurado por turistas que visitam a Cidade Maravilhosa, há hospedagens ótimas, com preços em conta e perto de tudo, portanto, é uma boa se hospedar por lá.

Animou? Então, continue lendo para descobrir todos os detalhes! 

icone rio

Por que visitar o Centro do Rio?

fachada de teatro municipal, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Mauro Lima on Unsplash

Antes de saber o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, aqui vão alguns que vão fazer você se encantar por esse bairro:

  • Quase todas as ruas possuem pontos históricos importantes que vão te ajudar a descobrir mais da história do Brasil. 
  • O Centro do Rio de Janeiro conta com diversos museus e centros culturais interessantes para quem gosta de arte, teatro, cinema e fotografia. 
  • Estando por aqui, você vai estar em uma localização super privilegiada, perto da rodoviária/aeroporto e dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro.
  • Outro ponto é que, além de possuir bares animados, o Centro do Rio está coladinho com um dos bairros mais agitados do Rio: a Lapa. Perfeito para quem ama curtir a noite!
  • Por último, mas não menos importante: restaurantes, bares e hotéis no centro do Rio são mais baratos por aqui e a maior parte das atrações são gratuitas. 

Onde fica

Como já diz seu próprio nome, o Centro fica na Zona Central do Rio de Janeiro, assim como Lapa, São Cristóvão e Santa Teresa, bairros que oferecem muitas atrações interessantes.

Ainda no Centro, estão localizados o aeroporto Santos Dumont e a Rodoviária Novo Rio e muitos bairros da Zona Sul, como Glória, Flamengo e Laranjeiras, podem ser alcançados facilmente numa caminhada ou de bicicleta. 

Por fim, saiba que, estando na região, não será difícil chegar às praias e outros pontos turísticos da Cidade Maravilhosa, já que, além de estar próximo, o bairro tem várias opções de transporte público como ônibus, trem e metrô.

O que fazer no Centro do Rio - as melhores atrações

1. Passe o dia no Boulevard Olímpico

painel colorido, chamado de Mural Etnias, localizado no Boulevard Olímpico, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Buzancar (Photo), CC BY-SA 4.0

Em primeiro, na nossa lista sobre o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, está o Boulevard Olímpico, que é um calçadão às margens da Baía de Guanabara e uma dos pontos turísticos mais recentes do bairro.

Nele, estão atrações conhecidas da cidade como: o Museu do Amanhã, Museu de Arte do Rio, Rio Star e o Mural Etnias, um painel com 15 metros de altura e 170 metros de comprimento super colorido que rende altas fotos.

No total, a área tem cerca de 3,5 km e é um ótimo lugar para quem ama passear ao ar livre! Por toda sua extensão, você pode caminhar, alugar uma bicicleta, andar de patins, patinete e skate. 

Dicas:
  • Caso queira almoçar/lanchar pela região, recomendo o Flórida Bar e Restaurante, que fica na Praça Mauá, nele você encontra comida, pizza, sanduíches e cerveja gelada por um bom preço. Endereço: Praça Mauá, 9 – Centro, Rio de Janeiro.

2. Dê uma volta na Rio Star

VLT, passa em trilhos, ao entardecer. Ao fundo, há a Rio Start, uma roda gigante que é uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Shutterstock

A segunda atração da nossa lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro também fica no Boulevard Olímpico. A Rio Star é uma das maiores rodas gigantes da América Latina e merece uma descrição à parte!

Para começar, ela tem nada mais, nada menos que 88 metros de altura e, por isso, apesar de ter inaugurado recentemente (2019) já se tornou um cartão postal da cidade.

A volta completa dura cerca de 20 minutos e dela você poderá ter uma vista privilegiada de lugares famosos como o Pão de Açúcar, Cristo Redentor, o Relógio da Central do Brasil, a Baía de Guanabara, a Ponte Rio-Niterói, a Cidade do Samba e o Museu do Amanhã.

Dicas:
    • A primeira dica, é que você compre seu ingresso online, pois costuma sair mais barato do que na bilheteria local.
    • E a segunda, é que antes da compra, você não esqueça de verificar o horário de funcionamento atualizado pelo site oficial.
    • Endereço da Rio Star: Porto Maravilha – Av. Rodrigues Alves, 455 – Santo Cristo, Rio de Janeiro 

3. Faça um passeio até a Ilha Fiscal

Castelo verde, sob céu azul, localizado na Ilha Fiscal, no Rio de Janeiro
Foto: Halley Pacheco de Oliveira, CC BY-SA 3.0

Outra atração imperdível da lista com “o que fazer no Centro do Rio de Janeiro” é a Ilha Fiscal, que foi o cenário do chamado “Último Baile do Império”.

Ela foi inaugurada como uma forma de recuperar a glória da monarquia no Brasil, porém, a tentativa não deu tão certo. 

Alguns dias após o baile, a República foi proclamada no país e deixou este castelo extravagante sem utilização por anos.

Mas atualmente, o lugar é um museu administrado pela Marinha, e pode ser visitado diariamente. Nela, você vai encontrar um lindo palacete, que parece um cenário de filme de princesas!

Durante a visita guiada, que é como uma aula de história (se você fugia dessas aulas, melhor não ir!), além de observar a arquitetura do lugar, você vai ouvir sobre a Segunda Guerra Mundial, a Proclamação da República, e por aí vai…

Informações práticas:

Para informações sobre o ingresso e horário, acesse o site oficial.

Como chegar à Ilha Fiscal:

Dirija-se até a praça XV, no centro do Rio de Janeiro, onde você vai encontrar o Espaço Cultural da Marinha, que fica ao lado direito da estação das barcas.

Neste local, você poderá adquirir ingressos para a embarcação que leva até a Ilha. Apesar deste ser o transporte mais comum até a ilha, é possível também ir por micro-ônibus ou vans autorizadas, o que acontece principalmente em razão das condições climáticas que tornam o passeio de escuna perigoso.

4. Visite um dos museus

Há muito o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, mas com certeza, um dos principais atrativos da região são os museus. Por isso, recomendo que você visite pelo menos algum desses:

Museu do Amanhã 

vista aérea de Praça da Mauá, durante o dia, onde há o Museu do Amanhã, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Shutterstock

Primeiramente, vale a pena conhecer esse museu caso você esteja no Boulevard Olímpico, já que ele fica localizado na Praça Mauá. De cara, a arquitetura diferenciada dele vai te chamar atenção.

Diferente dos outros museus, ele é novo no bairro, e não fala sobre o passado e, sim, busca refletir sobre o amanhã, como o próprio nome diz!

Sabe aquelas questões como “de onde viemos?” ou “para onde vamos?”, é sobre isso! Então, prepare-se, pois sua mente vai fazer aquele BUM em alguns momentos.

Informações práticas:

Você pode comprar seu ingresso online.  E, se você for carioca, paga meia-entrada!

Museu de Arte do Rio 

Em segundo, também na Praça Mauá, está esse museu conhecido como MAR, que costuma receber obras de artistas consagrados, como Aleijadinho, Tarsila do Amaral, Guignard e Pancetti. 

Depois das exposições, recomendo que você vá até o último andar, onde há o terraço do MAR, que tem uma vista maneiríssima de todo o Centro do Rio de Janeiro!

Informações práticas:

Confira as exposições atuais e compre seu ingresso no site oficial. Cariocas e moradores do Rio também pagam meia-entrada por aqui.

Museu Naval: 

Já este museu, está localizado na Praça XV, pertinho da Praça Mauá (dá para ir andando), e conta a história do Poder Naval no Brasil.

Nele, você encontra obras de arte, canhões resgatados de navios naufragados, figuras de proa, medalhas e documentos históricos.

Informações práticas:

A entrada desse museu é gratuita! Para conferir o horário de funcionamento atualizado, acesse o site oficial.

fachada de Museu Nacional de Belas Artes, no Centro do Rio de Janeiro
Foto: Dornicke, CC BY-SA 4.0

Museu Nacional de Belas Artes

Por último, vale a pena visitar esse museu criado em 1937, que é um dos mais bonitos do Centro do Rio de Janeiro, localizado na Avenida Rio Branco, uma das principais do bairro.

Ele guarda a maior e mais importante coleção de arte brasileira do século 19. São mais de cem mil itens entre pinturas, desenhos, esculturas, documentos e livros!

Informações práticas:

O ingresso deve ser comprado na bilheteria local. Para conferir o preço e o horário de funcionamento, acesse o site oficial

5. Conheça atrações históricas

Esse bairro por si só já é uma grande atração histórica, já que por praticamente todas as ruas você vai encontrar construções antigas que te levarão ao passado. No entanto, há alguns pontos imperdíveis para você incluir na sua lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, como:

Arco do teles

Pessoas caminham durante o dia em rua onde há o Arco do teles
Foto: Filipo Tardim, CC BY-SA 4.0

Primeiro, vale a pena conhecer o Arco do Teles que é um marco arquitetônico na história da cidade, rodeado de construções da mesma época. 

 

Ele foi construído no século XVIII, e hoje é um point para tirar ótimas fotos!

 

Também vale passar por lá para se divertir, pois há diversos bares e restaurantes com música ao vivo, cerveja gelada e bons petiscos.


Endereço do Arco: Praça Quinze de Novembro, 34 A – Centro, Rio de Janeiro – RJ

Cais do valongo 

Já este ponto fica no pequeno bairro da Saúde, que se confunde com o Centro do Rio de Janeiro, e está próximo do Boulevard Olímpico (dá para ir andando). 

O lugar remete a um dos mais graves crimes contra a humanidade, já que foi o principal porto de entrada de africanos escravizados no Brasil e nas Américas. Por isso, em 2017, foi considerado Patrimônio Histórico da Humanidade. 

Além disso, em seu entorno, ficam alguns pontos que você também pode visitar como:

  • Jardim Suspenso do Valongo (com linda vista da cidade)
  • Espaço Cultural Pequena África
  • Espaço Cultural Casa da Tia Ciata
  • Centro Cultural Municipal José Bonifácio
  • Cemitério dos Pretos Novos

Alguns desses pontos fazem parte do Circuito da Herança Africana, formado por pontos que remetem a vida dos africanos e seus descendentes na Região Portuária do Rio de Janeiro. Para saber mais detalhes desse circuito acesse o site do Porto Maravilha.

Informações práticas:

É possível visitar o lugar em qualquer horário ou dia, mas, no segundo sábado do mês de julho, acontece a lavagem do Cais do Valongo, uma celebração à ancestralidade dos afro-brasileiros e um ato de respeito.

Endereço do Cais: Av. Barão de Tefé – Saúde

Dica:

Aproveite que estará por lá e almoce no Angu do Gomes ou prove petiscos na Casa Porto. 

Endereço Angu do Gomes: R. Sacadura Cabral, 75 – Saúde

Endereço Casa Porto: Largo São Francisco da Prainha, 4 – Saúde

Paço imperial

fachada de Paço imperial, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Carlos Luis M C da Cruz, CC BY-SA 3.0

Outro lugar imperdível é o Paço Imperial, um edifício histórico, construído em 1743, que já foi casa dos Vice-Reis do Brasil, sede dos governos do Reinado e do Império e também o local onde a Princesa Isabel sancionou a Lei Áurea, em 1888, abolindo a escravatura no Brasil.

Em 1938, ele foi tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e hoje funciona como um centro cultural, onde há exposições de arte incríveis e gratuitas.

Para completar, há no local um Bistrô acolhedor, que vende queijo, vinho, bolos, tortas e cafés maravilhosos!

Informações práticas:

Confira a programação completa no site oficial.

Endereço do Paço:

Praça Quinze de Novembro, 48 – Centro do Rio de Janeiro

Palácio do Itamaraty

Por último, também recomendo incluir na lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, o Palácio do Itamaraty, uma construção de 1851 que ainda está bem conservada e faz parte, não só da história do bairro, mas do Brasil, já que foi sede do Ministério das Relações Exteriores. 

Nele, você encontra um acervo com muitos móveis, pinturas, cartas, mapas, atlas, globos, artes e muitas esculturas.

Também vale visitar pela sua beleza, já que além do edifício, há um jardim com palmeiras, e uma lagoa cheia de patinhos. Super bonito e agradável!

Informações práticas:

A entrada é gratuita, mas o espaço só funciona de segunda a sexta. Além disso, a visita é guiada, então dá para conhecer toda sua história com detalhes. 

Endereço do Palácio:

Av. Mal. Floriano, 196 – Centro do Rio de Janeiro 

6. Confira as atrações do CCBB

fachada de CCBB, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro

Em sexto lugar na nossa lista sobre o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, está outro lugar imperdível: o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB).

Antes, o seu prédio, super charmoso, que foi construído em 1906, funcionava como sede do Banco do Brasil.

 

Hoje, o lugar recebe exposições de arte gratuitas, além de ter um cinema e um teatro que quase sempre tem algo em cartaz (com ingresso baratinho).

 

Além disso, há no prédio uma livraria e algumas cafeterias, ótimas para passar o tempo, conversar e tomar bons cafés. Eu recomendo a confeitaria Colombo, a mais tradicional, que funciona em um lindo salão e também tem ótimos chás.

Informações práticas:

Confira a programação do CCBB RJ no site oficial.

Endereço: R. Primeiro de Março, 66 – Centro

7. Faça compras no Saara

pessoas caminham em Polo Saara, um shopping a céu aberto no centro do rio de janeiro
Foto: Luiz Fernando Reis

Se você ama fazer umas comprinhas, outro lugar imperdível no Centro do Rio de Janeiro é o Polo Saara, mais conhecido como Saara que é simplesmente o maior shopping a céu aberto da América Latina, são 12 ruas e mais de 900 lojas!

Nele, você encontra: brinquedos, roupas, joias, bijuterias, acessórios para celular, perfumes, artigos de decoração para festa e para casa.

 

Resumindo, lá tem TUDO e mais um pouco. Mas, não para por aí, a melhor coisa é que por aqui tudo é super barato!

Informações práticas:

O horário de funcionamento varia de acordo com a loja, mas a maioria abre às 9h e vai até às 18h, de segunda a sexta. Já aos sábados, elas costumam fechar às 14h, e aos domingos não funcionam. Pelo site oficial você pode conferir algumas das lojas.

8. Vá ao Theatro Municipal

Turistas tiram foto de teatro municipal, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Mauro Lima on Unsplash

No topo do que fazer no Centro do Rio de Janeiro, também está um símbolo da Belle Époque carioca, o Theatro Municipal.

Considerado um dos teatros mais importantes do país, este é um lugar que, mesmo que você não entre, vai chamar a sua atenção! 

Apesar de ser de 1909, a construção permanece bonita e é impossível seus olhos não se voltarem para o letreiro dourado super brilhante devido às folhas de ouro. 

 

Além disso, ele costuma receber importantes companhias de ballet, artistas, academias de ópera e orquestras, então, se possível, tente comprar um ingresso para conferir alguma delas. 

 

Mas, caso não tenha nenhum show ou peça rolando, você pode comprar um ingresso para a visita guiada que custa cerca de R$20,00 (só pode ser comprado na bilheteria local), assim você conhece a história do lugar (por dentro, o edifício é igualmente interessante), e vê de perto o palco, que é lindo!

Informações práticas:

Confira a programação no site oficial

Endereço do Theatro: Praça Floriano, S/N – Centro do Rio de Janeiro

9. Ande de VLT

VLT, passa em trilhos durante o dia
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil, CC BY 3.0 BR

O VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), é como um bondinho, mas mais moderno. 

Ele percorre quase todas as principais vias do bairro e vale a pena andar nele para conhecer com conforto todas as paisagens!

Ele passa em frente a alguns pontos que mencionei nessa lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, como a Rio Star, Boulevard Olímpico, Museu do Amanhã, Theatro Municipal, Palácio do Itamaraty e Saara.

Informações práticas: 

Para utilizar o VLT, é necessário adquirir e recarregar um bilhete único do Rio nas máquinas que ficam nas estações (elas aceitam débito ou dinheiro).

Caso você entre sem cartão, ou esqueça de validar ele ao entrar no VLT, poderá levar uma multa! Cuidado! Para conferir todas as estações, acesse o site oficial.

10. Tome um café na Confeitaria Colombo

Pessoas tomam café em Confeitaria Colombo, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Sailko, CC BY 3.0

Outro lugar de destaque na lista com o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, está a Confeitaria Colombo, um dos principais pontos turísticos do RJ.

Apesar de existir outra filial no CCBB, esta é a unidade mais famosa da confeitaria, por funcionar em um salão super sofisticado e charmoso.

Fundada em 1894, ela serve, além de café, chocolate quente, chás, waffles, sanduíches, omeletes, empadas, tortas e muito mais.

Se você quiser provar um pouco de tudo, recomendo pedir o café colombo especial, individual ou duplo.

Informações práticas:

Você pode conferir o cardápio completo no site oficial.

Endereço: R. Gonçalves Dias, 32 – Centro do Rio de Janeiro

11. Conheça o Real Gabinete Português de Leitura

Mais um dos lugares imperdíveis do Centro do Rio de Janeiro, esse é lugar que você vai se apaixonar, principalmente se ama livros!

Criado em 1837, o Real Gabinete é uma linda biblioteca pública, com mais de 350 mil livros, em 3 andares de prateleiras que surpreendem!

Por lá, além de conferir de perto alguns clássicos como um exemplar raro de “Os Lusíadas”, de Camões, os visitantes podem ver de perto como a colonização europeia influenciou os edifícios públicos do Brasil antigo.

Outra coisa boa é que a entrada ao local é gratuita, e você pode tirar fotos maravilhosas!

Informações práticas:

Confira o horário e as regras de visitação no site oficial.

12. Visite as igrejas históricas

Andando pelas ruas desse bairro você vai perceber que há muitas igrejas e catedrais, que encantam a todos, não apenas os religiosos.

Algumas são da época do Brasil Colônia, outras da época do Império, o que faz com que cada uma tenha o seu estilo (todos bonitos!). Aqui vão algumas que você pode incluir na sua lista de o que fazer no Centro do Rio:

Algumas das principais igrejas do Rio:

Igreja de São Francisco da Penitência

Paredes douradas com imagens em interior de Igreja de São Francisco da Penitência, no centro do rio de janeiro
Foto: Filipo Tardim, CC BY-SA 4.0

Em primeiro, está uma igreja que, sem dúvidas, é uma das mais bonitas do Centro do Rio de Janeiro. Construída no período do Brasil Colônia, ela abriga diversas esculturas douradas do século 18 e tem detalhes encantadores do chão ao teto!

Informações práticas:

Além de visitar a igreja, você pode conhecer o Museu Sacro. Para informações sobre o ingresso e horário, confira o site oficial.

Endereço: Rua da Carioca, 5 – Centro do Rio de Janeiro 

Igreja de Nossa Senhora da Candelária

Outra igreja que recomendo conhecer, é a Igreja de Nossa Senhora da Candelária, uma das mais belas da cidade e que tem uma história interessante.

Reza a lenda que, no século 17, uma tempestade surpreendeu um casal de espanhóis durante uma viagem marítima. 

Por isso, eles prometeram à Nossa Senhora, que se escapassem com vida, iriam construir uma capela, perto do primeiro porto que chegassem com vida.

Assim, voltada para a Baía de Guanabara, nasceu esta capela que, posteriormente, se tornou a maior igreja do Centro do Rio de Janeiro!

Informações práticas:

Confira os horários atuais e regras de visitação no site oficial.

Endereço: Praça Pio X, s/n – Centro do Rio de Janeiro 

Igreja de São Francisco de Paula

fachada de Igreja de São Francisco de Paula, durante o dia
Foto: Carlos Luis M C da Cruz CC BY-SA 3.0

Já a Igreja de São Francisco de Paula, é considerada a 2ª maior igreja do Rio, e também, é uma das que recomendo incluir na lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro.

Inaugurada em 1865 por D. Pedro II, ela foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional por sua importância cultural.

Nela, você encontra lindas obras de arte cheias de detalhes, feitas por Mestre Valentim, um dos principais artistas do Brasil colonial, além de obras de Manoel da Cunha, Antônio de Pádua e Castro e Chaves Pinheiro. Vale super a pena!

Informações práticas:

A entrada é gratuita, mas para informações do horário de funcionamento, é necessário ligar para o (21) 2509-0068.

Endereço: Largo São Francisco de Paula, s/n – Centro do Rio de Janeiro.

Mosteiro de São Bento

Por último, vale a pena conhecer o Mosteiro de São Bento que é quase tão antigo quanto o Rio!

Ele foi construído em 1589, apenas 24 anos depois da cidade ter sido fundada. 

Nele, o que mais chama atenção é a Igreja Abacial, construída  entre 1633 e 1734 que apesar de simples por fora, tem um interior luxuoso que a faz ser considerada uma das igrejas mais belas do Rio de Janeiro e um dos principais monumentos do barroco luso-brasileiro. 

Nela você encontra imagens sacras, brasões e outros símbolos para conhecer mais sobre a história do  catolicismo no Brasil colonial.

Informações práticas:

Para saber o horário de funcionamento, acesse o site oficial do Mosteiro de São Bento

Endereço: R. Dom Gerardo, 68 – Centro do Rio de Janeiro.

13. Explore a Lapa e Santa Teresa

Além de apresentar o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, trouxe algumas dicas sobre o que fazer perto dele, já que há dois bairros bem interessantes colocados com ele, que você pode querer conhecer: Lapa e Santa Teresa, ambos com algumas atrações imperdíveis!

Lapa

arcos da lapa, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Samuel Wesley Silva on Unsplash

Primeiro, recomendo visitar o bairro da Lapa, principalmente se você curte agito!

Vá de noite, pois é quando ele realmente ganha vida e é tomado por muitas pessoas que vão para os bares para beber e conversar. 

Ao pedir um táxi/uber, peça para ficar nos Arcos da Lapa, um dos cartões postais do Rio, pare por lá rapidamente e aproveite para tirar algumas fotos!

Depois disso, recomendo dar uma passada embaixo dos Arcos, onde há muitas barraquinhas que vendem lanches como hambúrguer, cachorro-quente, pastel, além de caipirinha e cerveja, que por aqui tem um preço mais em conta do que nos bares.

Dali, é só seguir reto e você estará na Avenida Mem de Sá, a rua mais movimentada do bairro, que possui inúmeros bares, para todos os gostos. 

Para você não se perder pelo bairro, aqui vão algumas dicas:

Street Lapa:

Se você quer um lugar para dançar a noite toda, vá ao Street Lapa! Costuma ter evento open bar quase todo fim de semana, agitado por DJs de pop/funk.

Show Bar:

Agora, se você prefere cantar, o Show Bar, um bar com karaokê, é a melhor opção! Nele, você paga um valor único (cerca de R$10,00) pra cantar a noite toda e há também petiscos e bebidas.

Irish Pub 

Por fim, outro lugar interessante que mistura um pouco de tudo é o Irish Pub, um pedacinho da Irlanda em frente aos Arcos com karaokê, petiscos e cervejas, que quase todo fim de semana tem música ao vivo.

Bom saber:

A melhor opção para chegar aqui, partindo do Centro, é de táxi/Uber. Só recomendo ir andando se você durante o dia, pois o caminho não é dos mais seguros.

Dica:
Se você visitar a Lapa durante o dia, vale conhecer o Passeio Público, um dos parques do Rio de Janeiro que fica bem pertinho e é ótimo para caminhar e observar a natureza.
 

Escadaria selarón

pessoas descem escada colorida de azulejos, conhecida como Escadaria Selarón, no centro do rio de janeiro
Foto: Marshallhenrie, CC BY-SA 4.0

No meio do caminho, recomendo passar nessa escada super colorida que fica entre os bairros de Santa Teresa e Lapa.

Com mais de 250 degraus, ela reúne diversos azulejos trazidos de várias partes do Brasil e do mundo, se tornou um dos cartões-postais do Rio de Janeiro e já foi cenário até de clipes da banda U2 e do rapper Snoop Dogg!

Dica: Se você quiser tirar boas fotos lá, chegue cedo para encontrar a escada vazia!

Santa Teresa

pessoas andam em bondinhos de Santa Teresa, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Henrique Freire / GovRJ, CC BY 3.0 BR

Santa Teresa, colado com a Lapa, e um bairro super charmoso, com casarões antigos e elegantes, muitas ruas íngremes, ótima gastronomia, linda natureza, e vários pontos para observar toda a cidade!

Uma de suas atrações mais famosas são os bondinhos de Santa Teresa, que são também a melhor forma de conhecer o bairro. Para pegar um deles, vá até a Estação Carioca (Centro).

Informações práticas:

Para conferir os dias/horários do bondinho, acesse o site oficial

Estando em Santa Teresa, conheça esses lugares:

Parque das ruínas:

fachada de tijolos laranjas e vidro de Parque das ruínas, uma atração interessante para quem busca o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: LBM1948, CC BY-SA 4.0

Um dos principais pontos de Santa Teresa, é o Parque das Ruínas, um Centro Cultural que funciona num prédio diferente e bonito, e abriga a estrutura do que foi o palacete da grande mecenas da Belle Époque carioca, Laurinda Santos Lobo. 

Pouco visitado por cariocas e turistas, o antigo casarão oferece uma vista agradável do Centro do Rio e de seus arranha-céus, margeados pela Baía de Guanabara.

Por lá, há exposições de arte temporárias, teatro, e uma cafeteria com ótima vista para o Centro e Zona Sul do Rio!

Informações práticas:

Rua Murtinho Nobre 169, Santa Teresa — 2224-3922. Qui a dom, das 9h às 16h. Gratuito, com agendamento pelo Sympla.

Cine Casal Santa Teresa:

Já o Cine Casal, não é um ponto tão famoso, mas é igualmente interessante, e vale a visita, especialmente se você ama um bom cinema.

Ele funciona em um antigo prédio preservado e, diferente dos grandes cinemas localizados em shoppings, é um lugar pequeno, mas charmoso, e super agradável!

Para conferir mais informações, acesse site oficial do Cine Casal Santa Teresa.

Armazém São Thiago:

Por fim, a última dica sobre Santa Teresa, é o Armazém São Thiago.

Com uma decoração de bares dos anos 20, esse bar tem mais de 100 anos de história, e é o melhor lugar do bairro para experimentar petiscos, chopp gelado e cachaças!

Para conferir mais informações acesse o site oficial do Armazém São Thiago.

14. Perca-se pelas charmosas ruelas

pessoas sentadas em cadeiras de madeira, em rua cheia de barzinhos no centro do rio de janeiro
Foto: Fulviusbsas, CC BY-SA 4.0

A minha última dica sobre o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, é bem simples, mas garanto que vale a pena: perca-se sem medo pelas charmosas ruelas de bairro!

Ande com calma pela Rua do Rosário, Ouvidor, Quitanda, para conhecer detalhes do Rio Antigo, através das ruas de pedra e charmosos sobrados que as enfeitam.

Estando por elas, dê uma parada na Livraria Folha Seca que possui livros maravilhosos sobre as histórias e cultura do Rio; almoce no Rio Minho para experimentar ao ar livre pratos da culinária portuguesa e tome uma cerveja gelada no Antigamente Restaurante.

Se for aos finais de semana, procure saber se está rolando alguma roda de samba na rua do Ouvidor, é só dar uma olhada na página do Samba da Ouvidor.

Nossa lista sobre o que fazer no Centro do Rio chegou ao fim, mas há muito mais o que fazer na Cidade Maravilhosa! Para descobrir, confira os 54 melhores passeios do RJ.

Onde ficar no Centro do Rio de Janeiro

Agora que você já sabe o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, pode estar interessado (a) em conferir de perto todos os detalhes, certo?

Para isso, saiba que pode ser uma boa ficar por aqui, já o bairro abriga muitas opções de hospedagem de todos os tipos: hostels, resorts, grandes e pequenos hotéis, pousadas e apartamentos. Então, você estará bem servido nesse quesito!

 

Se sua intenção é passear não só pelo Centro, mas também conhecer os principais pontos turísticos do Rio com facilidade, recomendamos ficar próximo a uma estação de metrô.  

 

Veja abaixo algumas boas opções de onde ficar no Centro do Rio:

espreguiçadeiras e piscinas em área de lazer do Prodigy Santos Dumont, um hotel no centro do rio de janeiro
Foto divulgação: Prodigy Santos Dumont

Hotéis de luxo no Rio de Janeiro:

Prodigy Santos Dumont – $$$$

O Prodigy Santos Dumont é um dos melhores hotéis de luxo do Rio de Janeiro, com ótimo atendimento e uma vista incrível para o Corcovado. 

Ele está colado ao Aeroporto Santos Dumont, tem piscina de borda infinita na cobertura, uma academia, e oferece um bom café da manhã, que começa a partir das 4h30, perfeito para quem vai voar de madrugada.

Já os quartos, são aconchegantes e espaçosos, alguns com vista maravilhosa para a Marina da Glória, Pão de Açúcar e o Cristo Redentor.

  • Nota no Booking: 8,5
  • A diária para casal custa a partir de R$508.

Vila Galé – $$$

Já o Vila Galé é sem dúvidas um dos hotéis mais bonitos do Centro do Rio! Ele possui uma decoração inspirada no Samba e Bossa Nova e se divide em duas alas, sendo uma moderna e outra com um charme palaciano, perfeita para quem quer se sentir como rei/rainha. 

As suítes dessa ala, chamada de Collection, possuem piso e móveis de madeira, são super amplas e contam com uma varanda espaçosa.

O hotel também conta com um excelente café da manhã, uma grande piscina, academia, bar, e está localizado em uma rua movimentada com diversos restaurantes/bares, a apenas 600 metros da Lapa.

  • Nota no Booking: 8,9
  • A diária para casal custa a partir de R$315.
espreguiçadeiras e piscinas em área de lazer do Américas Granada Hotel, um hotel no centro do rio de janeiro
Foto divulgação: Américas Granada Hotel

Hotéis com ótimo custo-benefício no Rio de Janeiro:

Américas Granada Hotel – $$

O Américas Granada é um hotel com ótimo atendimento, super organizado e com acomodações confortáveis. Ele possui piscina, academia, bar e um ótimo café da manhã americano.

  • Nota no Booking: 8,5
  • A diária para casal custa a partir de R$165.

Windsor Guanabara – $$

Localizado a poucos minutos de diversas atrações que mencionei na lista de o que fazer no Centro do Rio de Janeiro, como o Boulevard Olímpico, o Windsor Guanabara é perfeito para quem quer estar bem localizado. 

É um hotel aconchegante, que serve um bom café da manhã diariamente, além de ter piscina com vista para a cidade, bar, restaurante e uma academia.

  • Nota no Booking: 8,4
  • A diária para casal custa a partir de R$326.
espreguiçadeiras e piscinas em área de Hotel Atlantico Tower, um hotel no centro do rio de janeiro
Foto divulgação: Hotel Atlantico Tower

Hotéis econômicos no Rio de Janeiro:

Hotel Atlantico Tower – $

Este hotel também é uma boa opção para quem quer estar próximo a tudo! O Atlantico Tower  fica a apenas 600 metros do Museu do Amanhã, possui quartos em conta para famílias de até 4 pessoas, piscina e bar, além de um bom café da manhã.

  • Nota no Booking: 7,1
  • A diária para casal custa a partir de R$139.

Hotel Atlantico Prime – $

Já o Atlantico Prime está a 800 metros da Escadaria Selarón e a 600 metros dos Arcos da Lapa, oferece academia, bar e um bom café da manhã em estilo buffet, além de quartos confortáveis.

  • Nota no Booking: 7,5
  • A diária para casal custa a partir de R$149.

Quer ver outras opções? Confira a lista completa de hotéis no Centro do Rio.

Quer ver opções em outros bairros? Leia também: Onde ficar no Rio de Janeiro: 12 melhores bairros e dicas de hotéis

Onde comer no Centro do Rio de Janeiro - melhores restaurantes

panela vermelha, com comida em Cais do Oriente, um lugar para comer Centro do Rio de Janeiro
Foto divulgação: Cais do Oriente
L’Atelier du Cuisinier: 

O L’Atelier du Cuisiner é um bistrô charmoso e reservado, que mistura  ingredientes e técnicas das culinárias francesa e brasileira. Ele está localizado em uma casa simples construída em 1883, e conta com ótimos pratos como risoto de queijo com filé.

Endereço: R. Teófilo Otoni, 97 – Centro do Rio de Janeiro

Xian Rio

Já o Xian, funciona em um ambiente sofisticado, e conta com uma ótima vista para o mar e o Pão de Açúcar. O cardápio conta com sabores do Japão, China, Índia, Tailândia, Indonésia, Coréia e Vietnã. Há salmão, polvo, sushi, e muito mais!

Endereço: Av. Alm. Silvio de Noronha, 365 – Centro do Rio de Janeiro

Cais do Oriente

Outra boa opção é o Cais do Oriente, que funciona em um grande casarão antigo, possui uma decoração simples e é super aconchegante. O cardápio por aqui é bem variado, há diversas opções de massas, carnes, frutos do mar e saladas.

Endereço: R. Visc. de Itaboraí, 8 – Centro do Rio de Janeiro

hamburguer e batata frita, em caixa onde há escrito 'hamburgueria da alfândega', uma opção para quem busca onde comer no centro do rio de janeiro
Foto divulgação: Hamburgueria da Alfândega
Estação Rosário Gourmet

O Estação Rosário Gourmet, é uma boa para quem procura comida boa e com um bom preço. Ele é um restaurante self-service, com várias opções de carne, frango, saladas e massas.

Endereço: R. do Rosário, 170 –  Centro do Rio de Janeiro

Hamburgueria da alfândega

Já a Hamburgueria da Alfândega é uma opção para curtir a noite. Nela você pode montar o seu burger do jeito que quiser, ou escolher algumas das opções. Se você gosta de cheddar eu recomendo provar o Volcanic Fucking Cheddar, é um dos melhores lanches da casa! Inclua na sua lista de o que fazer no Centro do Rio!

Endereço: R. da Alfândega, 7 – Centro do Rio de Janeiro

Amarelinho da Cinelândia

Também para curtir de noite, recomendo o Amarelinho da Cinelândia, um dos bares mais tradicionais do Centro do Rio, localizado na Praça Floriano, quase de frente para o Theatro Municipal. Um ótimo lugar para tomar aquele chopp geladíssimo, enquanto prova alguns petiscos, como frango à passarinho e batata frita.

Endereço: Praça Floriano, 55 – B – Centro do Rio de Janeiro

Roteiro de 3-4 dias - nossa sugestão

caderno com anotações sobre o que fazer no centro do rio de janeiro
Foto: Med Badr Chemmaoui on Unsplash

Dia 1

Para curtir o que mencionamos na lista de o que fazer no Centro do Rio, vale a pena chegar pela manhã e começar o dia pelo Boulevard Olímpico. 

Conheça os museus da Praça Mauá, e quem sabe almoce no Flórida Bar e Restaurante, e retorne para andar pelo resto do Boulevard, tirar foto no Mural das Etnias ou curtir a Rio Star. Ao fim da tarde, descanse um pouco no hotel para, ao início da noite, conferir uma das exposições do CCBB.

Dia 2

Comece o dia tomando um café na Confeitaria Colombo e, de lá, visite o Real Gabinete Português de Leitura, faça um tour pelo Theatro Municipal e conheça uma das igrejas históricas. 

No almoço, vá ao Cais do Oriente, depois, descanse no hotel, e tire a noite para conhecer os Arcos da Lapa e um dos bares da Lapa.

Dia 3

Vá até a Carioca para pegar o bondinho de Santa Teresa e visitar o Parque das Ruínas e, no retorno, almoce no L’Atelier du Cuisinier. Dali, você pode conhecer o Paço imperial e o Arco do Teles. 

Depois, descanse no hotel e tire a noite para lanchar na Hamburgueria da Alfândega ou beber no Amarelinho.

Dia 4

No último dia, você pode dar uma passadinha no Saara para comprar bugigangas e lembrancinhas para a galera e almoçar no Estação Rosário Gourmet, antes de ir embora.

VLT, passa em trilhos, em avenida do Centro do Rio de Janeiro, durante o dia
Foto: Washington Oliveira 🇧🇷 on Unsplash

Dicas essenciais: 

  • Esse bairro costuma ser mais movimentado durante os dias úteis e no período do dia, quando as pessoas que trabalham no arredores transitam pelo bairro. De noite e aos finais de semana, ele fica mais vazio, e não há policiamento em todas as áreas, por isso, nesses dias/horários, recomendo utilizar o VLT, Metrô, táxi/uber para conhecer tudo o que falamos na lista de o que fazer no Centro do Rio.
  • Outra dica importante, mesmo durante o dia e em ruas movimentadas, é evitar andar distraidamente com o celular na mão, deixe ele em sua bolsa/mochila. 
  • Se você quiser fazer compras no Polo Saara, recomendo sacar algum dinheiro antes, pois a maioria dos comércios oferecem promoções para pagamento em dinheiro. 
  • Evite pegar metrô entre às 7h às 9h e das 17h às 19h para conhecer os atrativos que mencionamos em “o que fazer no Centro do Rio” , pois é o horário de pico e quando fica mais lotado. A melhor opção nesses horários é usar o VLT, táxi/uber, algum ônibus, ou passear a pé.
  • Por fim, se você quer se locomover pelo bairro pedalando, recomendo baixar o aplicativo Bike Itaú, pois há pontos para alugar bicicletas em quase todas as ruas do Centro. Só tenha muito cuidado com os carros/ônibus.

Planeje sua viagem - melhor época, como circular, quanto tempo ficar, etc.

agenda com folhas brancas, em cima e mesa
Foto: Eric Rothermel on Unsplash

Quantos dias ficar:

Há muito o que fazer no Centro do Rio de Janeiro e nos bairros por perto, por isso, recomendo ficar, no mínimo, 3-4 dias. Mas, é claro, quanto mais tempo no Rio, melhor!

Qual a melhor época:

O Centro do Rio de Janeiro é um bom lugar para visitar em quase qualquer época. Como a maior parte das atrações são em ambientes fechados, faça sol ou chuva, você vai conseguir aproveitar bem!

Mas se for uma época muito chuvosa, pode atrapalhar alguns passeios, já que algumas ruas alagam! Então, se possível evite os meses mais chuvosos que vão de dezembro a março, principal dezembro que é quando mais chove.

Além disso, não recomendo a visita no período de Carnaval (especialmente se você não gosta de multidões), pois é quando o bairro fica tomado por carros alegóricos e blocos de rua e, além de ruas lotadas, você vai encontrar hotéis super cheios e tudo mais caro.  

Pessoa segurando um smartphone. A tela do smartphone mostra o Uber, um aplicativo de transporte
Photo by Charles Deluvio on Unsplash

Como circular:

Não é difícil circular pelo Centro do Rio de Janeiro, pois há diversas opções de transporte disponíveis. 

Dito isso, para evitar ficar pelo trânsito, sugiro usar o metrô, que só no Centro tem 6 estações (Praça Onze, Central, Presidente Vargas, Uruguaiana, Carioca e Cinelândia)! Use o Google Maps para conferir qual fica mais próxima do seu destino.

Mas caso a estação fique um pouco longe da atração, você pode complementar o trecho com táxi/uber, já que os táxis no Rio são bem numerosos e possuem preços mais acessíveis do que outras capitais do país. 

Além disso, recomendo usar o VLT, que é um pouco mais barato que o metrô passa por quase todo bairro e tem, inclusive, estações na Rodoviária Novo Rio e no Aeroporto Santos Dumont. 

Como chegar:

Chegando de ônibus ou avião ao Rio de Janeiro:

De outro estado/cidade, o Centro do Rio de Janeiro é provavelmente o primeiro lugar onde você vai pisar, já que a Rodoviária Novo Rio e o Aeroporto Santos Dumont ficam por aqui.

navio branco navegando em mar azul, durante entardecer
Foto: Billy Pasco on Unsplash

Chegando de cruzeiro ao Rio de Janeiro:

O Terminal de Cruzeiros do Rio fica no Píer Mauá, junto ao Boulevard Olímpico, ou seja, no Centro do Rio.

Geralmente quem chega de navio tem apenas um dia livre na cidade, portanto você terá que escolher apenas algumas coisas para conhecer.

Felizmente, você estará pertinho de alguns dos principais pontos turísticos do bairro, dá até para ir andando para alguns museus!

De lugares como São Paulo ou Minas Gerais:

Ao chegar no Rio de Janeiro, é só você seguir até o final da Avenida Brasil e estará em frente à Rodoviária Novo Rio. 

Dali, é só seguir pela Av. Francisco Bicalho, depois para a Av. Presidente Vargas, e você estará na área principal do Centro do Rio.

cristo redentor, um dos cartões postais do rio de janeiro, sob céu azul
Foto: Joshua Gresham on Unsplash

De bairros do Rio de Janeiro:

Se você já estiver pelo Rio, verá que é super simples chegar ao Centro do Rio de Janeiro de qualquer lugar, já que a maioria dos bairros têm ônibus para este bairro. 

Você também pode pegar Uber/táxi, metrô ou trem, que são opções mais rápidas. 

Turismo no Rio de Janeiro com carro alugado

Não consideramos necessário e nem viável alugar um carro para circular na cidade do Rio. Porém, é indicado para quem quer estender seu roteiro para fora da cidade.

Eu recomendo alugar um carro com a Rentcars (é possível parcelar) para conhecer as praias da Região dos Lagos, são lindas!

Gostou de saber o que fazer no Centro do Rio?

Realmente há muito o que fazer no Centro do Rio de Janeiro. Não deixe de reservar um tempo para conhecer esse bairro cheio de histórias!

E mesmo que você decida dividir o tempo de sua viagem entre vários bairros do Rio, considere se hospedar no Centro, já que você estará bem pertinho da rodoviária/aeroporto e encontrará muitos hotéis, restaurantes e bares em conta,

Além, é claro, de estar pertinho das praias e principais pontos turísticos da Cidade Maravilhosa!

Leia mais dicas do RJ:

 

 

PLANEJE SUA TRIP
SEGURO VIAGEM

Tenha quem te socorrer nos perrengues. O voo atrasou, sua mala foi danificada ou sofreu algum acidente? O Seguros Promo garante sua indenização. Feche agora e com desconto o seguro ideal para sua viagem. 

PASSAGENS AÉREAS

Economize na passagem. Quer viajar mais? Com o Passagens Promo você encontra descontos imbatíveis em passagens áreas.

ACOMODAÇÃO

Durma no conforto, mesmo fora de casa.  Seja sua procura um hotel, apartamento, resort ou chalé, no Booking.com você encontra as acomodações mais baratas e mais confortáveis.  

ALUGUEL DE CARRO

Desbrave o destino escolhido. Se você quer quebrar barreiras, e aproveitar ao máximo o seu destino, alugue um carro com o melhor preço e com possibilidade de parcelamento em até 12x através do RentCars.

admin
ebook melhores momentos da vida 101 dicas 1
email

101 DICAS INCRÍVEIS E TRUQUES PARA VIAGEM

Quer embarcar nas nossas dicas? Então faz o check-in:

Você também poderá gostar de:

Salve as dicas no Pinterest

o que fazer no centro do rio de janeiro35jpg
o que fazer no centro do rio de janeiro34jpg