16/09/2021 Por Bárbara Rocha

Lugares para viajar no estado do Rio de Janeiro

Quer conhecer os melhores lugares para viajar no estado do Rio de Janeiro? Cola com a gente, que vamos lhe mostrar tudo!

Primeiramente, saiba que o Rio de Janeiro é um estado repleto de atrações naturais e culturais para todos os gostos, tanto em sua capital como em seu interior. 

Quer ver praias cristalinas, construções históricas, cachoeiras? Pretende fazer um bate-volta, ou dormir no destino? O Rio tem tudo isso e muito mais! 

Ao todo, são 92 municípios, espalhados pela Costa Verde, Região dos Lagos, Vale do Café e Região Serrana, com paisagens surpreendentes! 

Fica até difícil escolher qual dessas cidades conhecer primeiro… Mas, para te ajudar, selecionamos as 16 melhores destinos próximo ao Rio de Janeiro, da serra ao litoral, com sugestões de passeios e hospedagens. Confira!

palma 1

Por que viajar no estado do Rio de Janeiro:

barcos coloridos em mar, em frente a antigas construções e montanhas
Foto: Shutterstock

Agraciado com praias e picos e montanhas cobertos por florestas verdes e que quase sempre proporcionam visuais deslumbrantes, o Estado do Rio é um local privilegiado para quem gosta de percorrer trilhas, quer curtir um clima de montanha ou destinos de praia. 

Do litoral às serras no interior, passando por destinos históricos, não faltam opções de passeios e é praticamente impossível não econtrar um cantinho fluminense para chamar de seu!

Para completar, o clima no Rio de Janeiro é gostoso o ano inteiro, então, se você quer fugir do frio intenso e viajar de forma bem confortável, este é o lugar perfeito.

Lugares para viajar no estado do Rio de Janeiro - Região Costa Verde

Conhecida também como região litoral sul, a região Costa Verde do Rio de Janeiro é para quem é praieiro, adora torrar no sol, ou para os que amam o mar, e querem férias com muitos mergulhos.  Por isso, é bom não esquecer o protetor solar! 

Conheça as melhores cidades da região Costa Verde:

1. Paraty

bicicletas estacionadas em frente a restaurante em Paraty, um dos lugares para viajar no estado do rio de janeiro
Foto: Shutterstock

Um dos melhores lugares para viajar no estado do Rio de Janeiro é Paraty, uma pequena cidade com construções dos séculos 17 e 18, que reúne tudo o que há de melhor: passear, comer bem e, de quebra, poder conhecer e ver parte importante da história do Brasil diante dos próprios olhos.

Nela, há diversos atrativos, tanto para quem gosta de curtir a natureza em cachoeiras, praias e passeios de barcos, quanto para os amantes de história, que podem fazer uma visita ao passado do Brasil, caminhando pelo Centro Histórico, com ruas de pedras cheias de antigos monumentos.

Em relação às acomodações, a maior parte das pousadas em Paraty são charmosas e acolhedoras!

Para quem quer ficar próximo a tudo, a melhor opção é o Centro. Já quem busca um cantinho sossegado, opte por hospedagens à beira da Estrada Paraty-Cunha.

Como chegar em Paraty:

  • Distância do RJ: 240 km. 
  • De carro: São cerca de 4 horas e 30 minutos de viagem, saindo do Rio. De ônibus: Há ônibus diários da empresa Viação Costa Verde saindo da rodoviária Novo Rio, uma viagem que leva pouco mais de 5 horas.
  • Distância de SP: 265 km

Por que visitar Paraty:

História: Ruas estreitas e de pedras com diversas construções conservadas vão fazer você se sentir no passado! 

Assim é Paraty, que por meio de sua arquitetura, remete à diversos períodos da história do Brasil e, por isso, inclusive tornou-se Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. 

Belezas naturais: Outro ponto é que Paraty é sempre permeado por belezas naturais, perfeitas para quem não quer só observar, mas também curtir a natureza. É possível escolher entre praias mais tranquilas e outras mais baladas, além de cachoeiras, mirantes e piscinas naturais.

Charme: Por fim, como resultado da mistura de sua história em suas ruas que se encontram com as belezas naturais, como a mata ao redor e o mar convidativo, Paraty se tornou uma cidade totalmente charmosa, com um clima agradável (principalmente se você visitar fora dos feriados).

Dicas de atrações:

Visite o Centro Histórico: 

Comece o dia nesse local, que é um dos mais charmosos da cidade, cheio de casarões históricos, casinhas coloridas e restaurantes rústicos. Anota aí: os principais pontos são a Igreja da Matriz, Teatro Espaço,  Museu de Arte Sacra e Casa da Cultura.

Faça um passeio de barco: 

Depois, vale a pena fazer um passeio de barco! Há duas opções para passear pelo mar de Paraty e conhecer as praias da região. 

A primeira é de escuna, que é mais barata, e a outra de lancha, que costuma ter um preço mais salgado, sendo uma boa só para quem procura privacidade ou está viajando em grupo e pode dividir o valor. 

Visite os alambiques: 

A cachaça de Paraty é bem famosa, então, se você curte uma birita, não deixe de visitar um dos alambiques para conhecer o processo de produção dessas maravilhas e claro tomar uns gorós. 

Anota aí: A Paratiana é uma das cachaçarias mais famosas da região, mas há outras opções como a Cachaça Paratiana, Cachaça Coqueiro ou Engenho D’Ouro.

Foto cama quarto paraty
Foto Divugação: Casa Mar Paraty

Onde ficar em Paraty:

Casa Mar Paraty – $$: A poucos metros da Prainha, a Casa Mar Paraty é uma pousada luxuosa, cercada de natureza, ideal para quem busca conforto e sossego. Há piscina ao ar livre, estacionamento gratuito e café da manhã.

Voa Recanto Dos Colibris – $: Já a Voo Recanto, próxima a cachoeiras como Usina e Melancia, entre o mar e a Mata Atlântica, é uma pousada que proporciona tranquilidade e um contato com a natureza. Além disso, há café da manhã diariamente.

Pousada Vila Do Porto – $: Localizada há 40 metros no Centro de Paraty, a pousada Vila do Porto conta com uma arquitetura colonial conservada, oferece incluso no valor da diária café da manhã e chá da tarde.

Veja mais opções de hospedagem em Paraty

2. Trindade

pessoas tomando banho de mar em praia de Trindade, um dos lugares para viajar no estado do rio de janeiro
Foto: Shutterstock

Mais um dos melhores lugares para viajar no estado do rio de janeiro, o vilarejo de Trindade, que fica a 25 km de Paraty, é cheio de belas cachoeiras, praias reservadas, piscinas naturais cristalinas e trilhas para os aventureiros. Vale a pena passar alguns dias por lá!

Por ser mais afastada, é ideal para quem busca sossego e quer passar dias curtindo praia, mas saiba que o  local pode ficar bem cheio nos feriados e finais de semana na alta temporada. Evite!

Dito isso, o perfil de turistas continua sendo “mochileiro”, já que as hospedagens são, em geral, simples, a maior parte em campings. Para quem gosta de conforto, a dica é explorar Trindade em um dia e dormir em Paraty.

As opções de restaurantes cresceram e hoje tem de pizzaria a comida a quilo, tudo em uma única rua.

Como chegar em Trindade:

  • Distância do RJ: 271 km
  • De carro: partindo do Rio de Janeiro, são quase 5 horas de viagem. De ônibus: Não há ônibus direto saindo do Rio, nesse caso, a alternativa é pegar um ônibus para Paraty (5 horas de viagem), e de lá pegar um ônibus local (empresa Colitur) ou táxi/uber até Trindade, o que leva em média 30 minutos. 
  • Distância de SP: 284 km

Por que visitar Trindade:

Calmaria: Antes de mais nada, Trindade é um lugar sossegado, ótimo para quem quer fugir da agitação e curtir uns dias de sombra e água fresca. Inclusive, o clima “roots” e intocado prevalece em todos os cantos de Trindade, que está situada dentro da Área de Proteção Ambiental do Cairuçu e do Parque Nacional da Serra da Bocaina.

Simplicidade: É bom dizer que, se você procura restaurantes e hospedagens luxuosas, Trindade não é para você, já que essa vila, além de tranquila, é cheia de pousadas simples, rústicas, mas que não deixam de ser confortáveis.

Praias: Por fim, um dos principais motivos para visitar essa pequena vila: ela tem cerca de 6 praias!  Algumas são movimentadas, com maior infraestrutura de quiosques e, outras, mais afastadas e intocadas, perfeitas para quem quer fugir da muvuca. 

Dicas de atrações:

Piscina Natural do Caixa d’Aço: 

Primeiro, visite um dos locais mais bonitos de Trindade, com água transparente, quente e cheia de peixinhos, essa piscina é perfeita para quem quer nadar e ver a vida marinha de pertinho! 

O acesso é feito de barcos que partem das praias da região, ou por uma trilha simples de cerca de 10 minutos que inicia-se na Praia do Meio

Passeio de barco para praia da Galetinha

Saindo da praia do Meio, esse passeio te leva para uma praia mais afastada, ideal para quem busca privacidade. Além disso, é um bom lugar para praticar snorkelling (leve seus equipamentos de mergulho).

Cachoeiras: 

Uma das maravilhas da região, são perfeitas para banhos refrescantes. Passe por essas: Cachoeira da Praia Brava, Cachoeira dos Codós e Cachoeira do Poço Fundo (a maioria é acessada a partir das praias).

Bar do Cepilho: 

Por último, recomendo passar nesse bar Na Praia do Cepilho, em frente ao mar! Além de ter uma ótima vista, ele oferece ótimas comidas da região como  frutos do mar, petiscos e sandubas.

Quer saber mais? Leia também: O que fazer em Trindade – Melhores atrações e dicas

foto varanda e rede
Foto Divugação: Pousada Água do Mar

Onde ficar em Trindade:

Pousada Água do Mar – $: Simples e aconchegante, essa pousada está a 50 m da Praia de Trindade e 25 km do centro de Paraty, serve café da manhã diariamente e oferece estacionamento gratuito.

Pousada Família Viva Trindade – $: Localizada a 400 metros da Praia de Trindade e próxima do centro comercial de Trindade, essa pousada oferece quartos confortáveis (alguns com varanda) e cozinha compartilhada.

Bicho Preguiça Hostel– $: Localizado a 300 metros da Praia de Trindade e a 600 metros da Praia de Cachadaço, esse hostel com clima agradável e silencioso, oferece estacionamento gratuito e café da manhã.

Veja mais opções de hospedagem em Trindade

3. Angra dos Reis

vista aérea de barcos em praia de Angra dos Reis, um dos lugares para viajar no estado do rio de janeiro
Foto: Alexsandre Almeida on Unsplash

Dentre os lugares para viajar no estado do Rio de Janeiro, Angra dos Reis é o que mais recomendo para os viajantes que gostam do mar, afinal, a natureza foi pra lá de generosa com a baía de Angra dos Reis, presenteando-a com 365 ilhas salpicadas em um mar de águas cristalinas. 

No cardápio, estão cantinhos isolados – que são os refúgios dos ricos e famosos – além de praias famosas e bem badaladas, como a do Dentista, onde há até um engarrafamento de lanchas e iates na alta temporada.

Para completar, há bons reaturantes e construções históricas que valem a pena conhecer, como a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, que levou mais de 100 anos para ser construída e a Igreja de Santa Luzia que tem traços do estilo barroco.

Como chegar em Angra dos Reis:

  • Distância do RJ: 157 km
  • Como não há ônibus direto saindo da cidade do Rio, a melhor opção é viajar de carro, uma viagem de pouco mais de 3 horas. 
  • Distância de SP: 403 km

Por que visitar Angra dos Reis:

Ilhas paradisíacas: As ilhas de Angra dos Reis vão fazer você entender o que é amor à primeira vista, impossível não se surpreender e se apaixonar com tanta beleza. 

Passeios diversos: De lancha, barco, escuna, com desconhecidos, com a sua galera ou só com o seu par, há de tudo! Para quem quer ficar em terra firme, pode passear por lugares históricos. 

Gastronomia: Se você adora experimentar novos restaurantes em cada lugar visita, vai curtir as opções de Angra. Há muitos frutos de mar e diversos tipos de restaurantes (alguns até flutuantes), com comidas que vão das opções mais simples às mais sofisticadas.

Dicas de atrações:

Passeio de Lancha: 

O passeio de lancha é uma das principais atrações em Angra dos Reis e, por isso, há muita oferta desse tipo de passeios, algumas inclusive bem caras, para quem prefere excusividade.  

Mas há outras mais em conta, que você pode fazer junto com outros turistas (entre 9 – 18 pessoas), e pode levar bebidas para curtir um passeio de cerca de 5 horas pela região, com parada para mergulho, em vários pontos e parada para almoço (não incluso).

Passeio de escuna com almoço: 

Já o passeio de escuna é uma das mais baratas, mas é para quem não tem problema com muvuca, já que essa embarcação pode levar mais de 100 pessoas. 

A vantagem é que você pode comprar um ingresso que inclui almoço com peixe frito, frango frito, feijão, arroz, saladas diversas, pirão e macarrão.

Centro Histórico

Depois desses passeios, vale a pena uma visita ao Centro Histórico! 

Por ser uma das cidades mais antigas do Brasil, o centro de Angra é cheio de lugares marcantes para conhecer como o Mercado Redondo, a Praça Almirante Tamandaré e a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Angra Boutique Bistrô: 

Por fim, vale a pena experimentar uma boa comida no Porto Frade. 

No Angra Boutuique você encontra pratos deliciosos como Bobó de camarão, moqueca, linguado ao molho de camarão, vulcão de chocolate com sorvete.  Além disso, por lá, costuma rolar música ao vivo! Confira: Avaliação TripAdvisor

lugares para viajar2
Foto Divugação: Pousada Vitorino

Onde ficar em Angra dos Reis:

Pousada Vitorino – $$: Localizada a 5km do centro, com amplos bangâlos confortáveis e românticos, alguns com vista para o mar, essa pousada é perfeita para quem está fazendo uma viagem romântica ou quer se desconectar do mundo e relaxar.

Reserva Costa Verde – $: Com vista para as montanhas e para o mar, o Reserva Costa Verde, localizado a 2km do Centro, possui quartos super confortáveis  em sua área de lazer há piscina, banheira de hidromassagem e sauna.

Pousada Costão do Sol – $: Localizada a 2,1 km da Praia dos Biscaia, essa pousada serve diariamente café da manhã continental na acomodação, possui estacionamento gratuito e alguns quartos com varanda e vista para o mar.

Veja mais opções de hospedagem em Angra dos Reis

4. Ilha Grande

pessoas passeiam em barco em Ilha Grande, um ótimo destino para fazer uma viagem solo
Foto: Shutterstock

Mais um para lista dos melhores lugares para viajar no estado do rio de janeiro, Ilha Grande é só uma entre as diversas ilhas de Angra dos Reis, mas com certeza é uma das mais bonitas!

Coberta pela Mata Atlântica, essa ilha possui lagoas verdes e azuis, águas cristalinas repleta de peixes, praias lindas, grutas, cachoeiras e lugares ideais para praticar stand-up, snorkelling e até moutain bike.

É possível passar uns dias em resorts luxuosos, com muito conforto e comidas maravilhosas, ou acampar em uma das áreas de camping em meio a natureza e apenas a alguns metros da praia. 

Como chegar em Ilha Grande:

  • Distância do RJ: 179 km
  • Barca: Para acessar a ilha saindo do Rio, você vai precisar ir até a estação das barcas de Mangaratiba. Nesse caso, a melhor opção é chegar até a estação de ônibus, uber ou táxi, já que se for de carro próprio você terá que encontrar um estacionamento (deixar pela rua não é uma boa opção).
  • Distância de SP: 250 km

Por que visitar Ilha Grande:

Isolada: O primeiro motivo é que carros e ônibus não fazem parte dessa Ilha!

Por isso, é um bom lugar para quem quer se afastar da correria e fazer tudo a pé ou de barco, único meio de transporte por aqui. 

Praias paradisíacas: Em segundo, todas as praias em Ilha Grande são lindas, por isso é difícil dizer qual a melhor delas.

Mas, se tivéssemos que escolher, diríamos que é a Praia de Lopes Mendes que inclusive é considerada uma das mais bonitas do país. 

Natureza: Por fim, a Ilha Grande tem mais de 11 trilhas a serem exploradas, opção para todos os níveis de disposição!

Uma delas leva ao Pico do Papagaio (para quem tem bastante preparo físico), que leva a uma montanha de 982 metros de altitude, onde é possível ver toda a Ilha e outras belezas ao redor: simplesmente lindo! 

Onde ficar em Ilha Grande:

Vila Pedra Mar$$: Localizado na Praia Vermelha, este resort oferece um ambiente luxuoso e confortável, quartos com vista para o mar e deliciosos café da manhã e jantar inclusos no valor da diária.

Pousada Naturalia$$: Essa pousada charmosa que está apenas 60 m da Praia do Abraão, tem um ambiente ideal para quem quer recarregar as energias, todos os quartos estão de frente para o mar e as varandas privativas têm redes de descanso.

Mata Virgem Hostel e Pousada$: Situada em Abraão, esta é uma pousada para quem busca simplicidade e bons preços. Há piscina, churrasqueira, café da manhã asiático, e quartos para famílias de até 6 pessoas

Veja mais opções de hospedagem em Ilha Grande

Dicas de atrações:

Mergulho de batismo

Antes de mais nada, eu recomendo que você faça esse passeio, pois as águas cristalinas de Ilha Grande convidam para o mergulho, então, não recuse! 

Além disso, essa é uma oportunidade para se aventurar a conhecer com clareza a vida marinha da região. Recomendo o passeio com a empresa Aquamarina Mergulho.

Ilhas paradisíacas: 

Já o passeio Ilhas Paradisícas é um dos melhores para conhecer as praias da região e mais 4 ilhas próximas!

Provavelmente, você vai passar o dia se surpreendendo, na dúvida do que mais encanta, e nas paradas de mergulho, se tiver sorte encontrará golfinhos e tartarugas que vão nadar ao seu lado!

Passeio de barco Lagoa Azul: 

Por fim, além das praias, Ilha Grande possui opções para você passar o dia de boa na lagoa. 

Uma delas é a Lagoa Azul, que você pode conhecer comprando ingresso para um passeio de escuna que serve frutas e inclui espaguetes de mergulho para você mergulhar sem medo! 

Conheça outras atrações desse destino em: O que fazer em Ilha Grande RJ – Melhores atrações + Dicas

5. Visconde de Mauá

pessoas escorregam em cachoeira em Visconde de Mauá, um dos lugares para viajar no estado do rio de janeiro

Visconde de Mauá, cidade da região Serra da Mantiqueira, é mais um dos lugares para viajar no estado do rio de janeiro e um dos melhores!

Essa região é perfeita para quem quer se desconectar, curtir um clima de montanha e estar em contato com a natureza, já que é possível existem muitas cachoeiras para nadar (e até escorregar) e trilhas que duram horas ou dias e levam a mirantes incríveis.

Mas, é também para os que buscam sossego e um cantinho agradável e romântico para passar alguns dias com o love e para os que amam viajar para experimentar novos pratos, já que há na cidade restaurantes da culinária mineira à japonesa.

Além disso, a região é formada por 3 vilas: Mauá, Maringá e Maromba, uma mais tranquila, com menos atrativos, outra perfeita para curtir a noite pelos bares, e a última, ideal para aproveitar a natureza em várias piscinas naturais (escolha onde ficar de acordo com o seu gosto!)

Saiba mais sobre o Turismo na Serra da Mantiqueira. 

Como chegar em Visconde de Mauá:

  • Distância do RJ: 204 km
  • De carro: partindo do Rio de Janeiro, sem trânsito, você levará cerca de 3 horas para chegar na região. De ônibus: Você pode comprar uma passagem com destino à Resende que sai da rodoviária Novo Rio, e do ponto final pegar um ônibus local que te deixará em Visconde de Mauá.
  • Distância de SP: 301 km

Por que visitar Visconde de Mauá:

Frio: Durante o inverno, a temperatura dessa região pode chegar a -2ºC, em outras, também costuma ser amena!

Por isso, esse lugar é perfeito para quem quer fugir do calor do Rio e curtir um fondue e chalé com lareira.

Tranquilidade: Por ter um clima de interior, é uma região aconchegante em que o silêncio reina, perfeita para quem quer uns dias de descanso longe do tumulto.

Natureza: Parques ecológicos, cachoeiras gigantes, diversas trilhas, é o lugar ideal para quem quer se aventurar pela natureza.

Dicas de atrações:

Cachoeiras:

Primeiro, vale a pena conhecer as principais cachoeiras que estão na mesma estrada: Escorrega, Poção 7 metros e Véu da Noiva. Elas fazem parte do Circuito Tradicional e tem piscinas naturais transparentes.

Sítio Cachoeiras do Alcantilado:

Além das principais cachoeiras, vale a pena conhecer o Sítio Alcantilado que conta com mais 9 cachoeiras ao longo de uma trilha de  1,5 km arborizada, e é um lugar para nadar e conhecer um mirante com uma das melhores vistas da região. 

Alameda Gastronômica Tia Sofia:

Depois, recomendo passar em um dos pontos turísticos da região que conta com mais de 18 restaurantes com pratos diversos como massas, trutas, feijão tropeiro, acompanhados de cerveja, cachaça ou vinho.

Passeio à cavalo:

Já esse é um passeio super agradável, e há muitas fazendas na região que oferecem esse passeio. Depois de fazer amizade com um dos cavalos você poderá passear por rios, trilhas, mirantes e até pontos turísticos.

Pedra Selada:

Por fim, vale a pena conhecer essa pedra formada por dois picos que lembram a cela de um cavalo e é um dos cartões-postais da cidade.

Ela está a 1780 m de altura, por isso, para chegar lá é preciso fazer uma trilha com 2 horas de subida e trechos de mata fechada, campos e cachoeiras, mas a vista vale a pena!

Conheça as 19 melhores atrações da cidade em: O que fazer em Visconde de Mauá

Foto cama hotel
Foto Divugação: Hotel Bühler

Onde ficar em Visconde de Mauá:

Hotel Bühler – $$$: Este hotel cercado pela vegetação de Visconde de Mauá, é perfeito para quem quer ficar pertinho da natureza, e dos principais pontos da cidade. Há chalés aconchegantes com lareira para se aquecer e café da manhã incluso na diária

Pousada Chalé Cantinho Verde – $$: Localizada a 10 minutos do centrinho de Visconde de Mauá, essa pousada simples, mas aconchegante oferece quartos com lareira, vista para o jardim e estacionamento gratuito.

Pousada Xangrilá – $:  Em meio ao verde, a 6km do centro, essa pousada é ideal para quem